top of page

Como faturar com infoprodutos na internet sem aparecer

Muito se fala de criar produtos digitais, ensinar aos outros aquilo que tu sabes mas esse não é o único caminho para trabalhar com infoprodutos e faturar alto.


Ser um especialista no digital (nome dado a quem possui um vasto conhecimento em determinada área e trabalha diariamente para construir audiência e transformar vidas) envolve várias tarefas e uma delas é: aparecer em frente às câmeras. E se tu és uma pessoa que não queres, de todo, fazer isso, este artigo é para ti.


Várias profissões nasceram desde o boom digital nos últimos anos e uma delas é a co-produção.


Mas, o que é ser co-produtora?


É comercializar um produto digital em parceria com outra pessoa.


Por exemplo: Um coach junta-se com um estrategista ou agência de lançamentos para lançarem juntos o seu curso online.


O coach fica apenas responsável por criar o curso e o conteúdo para os canais.


O estrategista ou agência dá suporte em toda a parte operacional dos lançamentos: landing pages, email marketing, tráfego pago…


Co-produtores atuam, portanto, no backstage de um lançamento/produto. Geralmente cuidam de toda infraestrutura e estratégia, dependendo da negociação com o especialista.





Então quem pode ser co-produtora?


Qualquer pessoa que tenha o domínio de uma (ou mais) estratégia de lançamento testada e validada.

Pessoas da área do marketing


Tenho alunas que ao entrarem na minha Escola e aprenderem o meu método de lançamento começaram a trabalhar como co-produtoras com o meu método.


Podes fazê-lo se queres trabalhar na internet sem aparecer ou se ainda não te sentes pronta para te lançar como especialista porque ainda estás a formar-te na tua área mas já queres treinar e começar a gerar alto rendimento.


A receita das vendas é dividida por percentagens. Se o trabalho for dividido por partes iguais, é 50% para um e 50% para o outro, pois o co-produtor não é considerado um funcionário mas sim um parceiro de negócios.


Em outras negociações diferentes, a percentagem pode ser inferior para o co-produtor.


A procura para este profissional é gigante já que existem milhares de especialistas que se querem lançar mas não têm domínio das estratégias necessárias ou tempo e capacidade para ter sucesso com os seus produtos digitais.


Tem sempre a atenção que deve ser redigido um contrato para que nada falhe e estejas sempre segura.


Benefícios de ser co-produtora


Podes lançar quantos especialistas conseguires e ter diversas fontes de rendimento;

Estás sempre no backstage então não tens que aparecer em lado nenhum ou criar conteúdo;

Se o negócio do teu especialista cresce, o teu também cresce e por isso podes ter na mesma a tua liberdade digital (de horários, geográfica, financeira e à prova de crises).


E se tu apenas fores boa em estratégia mas não tiveres domínio em outras áreas (copywriting, anúncios, etc)?


Não tens de fazer tudo sozinha. Podes entrar em grupos de networking e procurar pessoas que estejam dispostas a entrar nesse modelo de negócios contigo.


Por exemplo:


Vamos supor que tens uma participação de 50%, não tens habilidade em copy e gestão de tráfego mas também não tens verba para contratar profissionais.


Podes contratar um copywriter e um gestor de tráfego e oferecer a cada um 3-4% de participação.


Pode parecer até pouco mas no longo prazo, quando conseguires fazer 50 mil euros por lançamento, quem te presta serviços teria um rendimento de 1500€ cada.


E se já estás convencida em avançar para seres co-produtora…


Guia de como encontrar especialistas para parceria:


A mais desafiante de quem quer trabalhar como co-produtora, no início, é encontrar especialistas para estabelecer parcerias.


Existem algumas formas de tornares esse processo um pouco mais simples:


Estar ciente que é importante que acredites e confies no trabalho desse especialista e não apenas o potencial financeiro porque ele nem sempre vem logo nos primeiros meses mas sim com o longo prazo.

Faz uma lista dos nichos que mais te interessam e em que tens interesse em aprender um pouco mais sobre e claro, o potencial financeiro.


Depois disso deves procurar por potenciais especialistas:


  • Pesquisa por nichos específicos no YouTube

  • Pesquisa por palavras-chaves no Instagram

  • Grupos de Networking


Ou…


Tornando-te minha aluna na Escola da Liberdade Digital. Onde tens acesso a uma comunidade de centenas de especialistas.


Lá poderás encontrar as melhores especialistas para fazer co-produção (como várias alunas minhas fazem até hoje).


CONCLUSÃO:


O objetivo de um especialista em ter um co-produtor é poder manter o foco 100% no conteúdo que ele entrega e conseguir delegar a estratégia, infraestrutura e suporte técnico.


Então, se estás a pensar em se tornar uma co-produtora, é essencial que te mantenhas sempre informada sobre novas estratégias de vendas e formatos de lançamentos!


Mas é possível sim faturar alto na internet sem aparecer.


Na minha Escola da Liberdade Digital temos aulas dedicadas à co-produção com materiais prontos a utilizar que te vão ajudar a estabelecer as melhores parcerias com os melhores especialistas.


Clica aqui para entrares na lista de espera e seres avisada quando abrirmos vagas.

79 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page